Thursday, May 07, 2009

Duração

Shadow (Ben Grossens)

Os livros duram o tempo que demora consumi-los e às ideias e processos que lhes deram origem. Muitos livros, porém, nem sequer podem ser de alguma utilidade para o consumidor: o que eles dizem e a maneira que têm de o dizer já foi consumido há muito tempo e tais livros são a prova de que os seus autores não leram o bastante e são, aos olhos imaginados de Deus, que leu todos os livros, ignorantes - estão portanto atrasados ou desactualizados. Os grandes livros (e os textos que contam, em geral) são aqueles de que é difícil libertar-se porque cada vez que os lemos continuam a incomodar-nos, a questionar-nos, a surpreender-nos, a abrir-nos caminhos no entendimento e desentendimento da nossa complexa realidade. Evidentemente, cada um de nós tem a sua ignorância pessoal, de modo que não há regras absolutas válidas para todas as pessoas ao mesmo tempo neste domínio. Os livros é como o amor: a cada um segundo as suas necessidades, apetência, educação, sensibilidade, inteligência e competência; uns gastam-se logo, outros gastam-se depressa, outros demoram a gastar-se. E depois há os - raros... - que nunca se gastam.

No comments: